“O Valente não é Violento” é uma iniciativa da campanha UNA-SE Pelo Fim da Violência Contra as Mulheres, do Secretário Geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, que conta com o envolvimento de todas as agências da ONU e é coordenada pela ONU Mulheres. Tem como objetivo estimular a mudança de atitudes e comportamentos dos homens e meninos, enfatizando a necessidade do seu envolvimento pelo fim da violência contra as mulheres e meninas. Até o momento, a iniciativa já foi lançada em oito países da América Latina: além do Brasil, Argentina, Bolívia, Cuba, Equador, Honduras, Paraguai, Peru.

Este documento foi elaborado pelos consultores Marcos Nascimento e Silvani Arruda, com revisão da ONU Mulheres e da UNESCO e financiamento da União Europeia. Seu objetivo é apresentar uma proposta de currículo educativo para o ensino médio acerca de temas relacionados à igualdade de gênero, sexualidades e prevenção de violências.

O documento está dividido em duas partes, compreendendo os seguintes aspectos:

– um breve panorama sobre o ensino médio no Brasil, incluindo considerações acerca da educação para as diversidades de gênero, sexual e étnico-racial;

– uma proposta de currículo educativo para o ensino médio acerca destes temas e suas vinculações com a promoção da igualdade de gênero no âmbito escolar.

Além do currículo, também são ofertados seis planos de aula com as seguintes abordagens: Sexo, gênero e poder; Violências e suas Interfaces; Estereótipos de Gênero e Esportes; Estereótipos de Gênero, Raça/Etnia e Mídia; Estereótipos de Gênero, Carreiras e Profissões: Diferenças e Desigualdades; Vulnerabilidades e Prevenção.

Educadoras, educadores e organizações que quiserem saber mais sobre o currículo da ONU podem entrar em contato pelo email ovalentenaoeviolento@gmail.com e também baixar os conteúdos na íntegra aqui.

Posts relacionados